Testemunho do Diác. Manuel Santos no Dia dos Diáconos

2017-08-12       Actualidade       Igreja  

  

Celebrou-se na passada quinta-feira, 10 de Agosto, São Lourenço, Diácono, e o Site da Diocese de Mindelo foi ao encontro do Diácono mais velho da Diocese, Manuel Santos, 85 anos de idade, para saber da sua vivência do diaconado.

O Diác. Manuel Santos salientou que reviveu no Dia do Diácono aquilo que estudou durante os anos de preparação para o diaconado, reviveu o momento especial da ordenação diaconal e leu tudo o que os papas Paulo VI e João Paulo II escreveram acerca do diaconado.
Uma vez que o ministério do diácono é servir, Santos diz o seguinte: «tenho servido com todo o amor e dedicação. Tenho servido no Altar do Senhor, servido os irmãos, participando nas Eucaristias, administrando os Sacramentos de Baptismo e Matrimónios, e também nos Sacramentais (funerais, oração pessoal e comunitária, visita e assistência aos doentes e idosos».
Os irmãos diáconos não ficaram de fora na oração e vivência do Dia do Diácono: «lembrei de todos os meus irmãos diáconos da Diocese de Mindelo (e do mundo inteiro), rezei por eles... para que tenham amor, dedicação e para seguirem sempre os exemplos deixados por São Lourenço.
Recorda-se que Diác. Manuel Santos e a Esposa celebraram no dia 27 de Julho as bodas de diamante - 60 anos de vida matrimonial. A celebração de Acção de Graças aconteceu na igreja de Nossa Senhora da Luz, na missa das 18h00, e foi presidida pelo Bispo da Diocese de Mindelo, Dom Ildo Fortes. 



Notícias relacionadas