MENSAGEM DE DOM ILDO FORTES POR OCASIÃO DO DIA INTERNACIONAL DA FAMÍLIA

2019-05-15       Actualidade       Igreja  

  

Celebra-se hoje, 15 de Maio, o Dia Internacional da Família, uma data que foi escolhida pela Assembleia Geral da ONU, que proclamou o dia 15 de Maio como o Dia Internacional da Família. O primeiro Dia Internacional da Família foi celebrado em 1994. Dom Ildo Fortes, Bispo da Diocese de Mindelo, não esqueceu do dia e envia uma mensagem de esperança a todas as famílias:


«A família constitui, na visão da Igreja, um dos pilares fundamentais da sociedade, «um dos bens mais preciosos da humanidade» (Familiaris Consortio, 1). No dizer de São João Paulo II, a família é um «santuário de vida» e, como afirmou o Concílio, ela é «património da humanidade» (LG 11), é a célula primeira e vital da sociedade (Apostolicam Actuositatem, 11). Portanto, ela é o lugar sagrado, o santuário donde brota a vida e os bens essenciais à nossa realização como pessoa. Mas, temos de admitir que na sociedade cabo-verdiana, esta realidade atravessa uma profunda crise e, não será ousado dizer que, de certo modo, ela está enferma».
Assim, neste dia Internacional da Família, a nossa atenção e oração volta-se para as famílias da nossa terra em especial. Que o Deus Amor, fonte de graças para todas as famílias, possa ajudar as nossas famílias a crescer e caminhar pela estrada que permite realizar mais e melhor a sua sublime vocação e missão.
«É na família e em clima de comunhão, que encontramos aquele húmus tão necessário para a nossa realização e plenitude. Tomás Halík escreve que: «a experiência mais importante, mais necessário para a vida e para o desenvolvimento saudável de uma pessoa, é sentir-se que é (ou que foi) amada. Essa é a única verdadeira aprendizagem do amor; a única forma de aprender a amar é deixar que o amor nos «infecte». Alguém que não é amado nunca conseguirá amar». Que as nossas famílias cresçam para a glória de Deus e bem da sociedade. Que as palavras do justo Josué nos inspirem o modo de viver em nossa casa: «Eu e a minha família, serviremos o Senhor» (Josué 24, 15).»
Uma saudação muito especial vai para todos os movimentos da Igreja e organismos da sociedade que não se cansam de buscar o maior bem da família humana. Também a nossa solidariedade para todas as famílias que atravessam grandes dificuldades no seu seio!
Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe, interceda por nós!
Ildo Fortes, Bispo de Mindelo



Notícias relacionadas