ENS quer criar, na ilha de S. Vicente, Equipas de Jovens de Nossa Senhora

2018-02-23       Actualidade       Igreja  

  

Numa altura em que Mindelo 1, a primeira Equipa de Nossa Senhora de/em São Vicente está a celebrar o 10º aniversário de existência e de história, o próximo desafio das Equipas de Nossa Senhora na ilha de Monte Cara é o de criar Equipas de Jovens de Nossa Senhora.

Segundo João José Farias, responsável pelo Sector das Equipas de Nossa Senhora na ilha de São Vicente, em entrevista ao Site da Diocese de Mindelo, «as Equipas de Jovens de Nossa Senhora é um movimento internacional que já existe, na zona lusófona, em Portugal e Brasil, e que se quer que seja também uma realidade em Cabo Verde».
A ideia, segundo Farias, é confrontar os jovens com duas vocações diferentes e importantes para a Igreja: o matrimónio e o Sacerdócio. O responsável pelo Sector das Equipas de Nossa Senhora na ilha de São Vicente garante que «as Equipas de Jovens de Nossa Senhora será um movimento independente e que a única ligação umbilical que ficarão é a de serem acompanhadas por um casal de Equipas de Nossa Senhora».
Alguns contactos e encontros já foram feitos no sentido de abordarem jovens entre os 15-25 anos, filhos de Equipistas de Nossa Senhora, uma vez que não se quer abordar outros jovens que já possam estar enquadrados noutros movimentos nas paróquias.



Notícias relacionadas