DOM ILDO FORTES: «O SOFRIMENTO, QUANDO ACEITE COM HUMILDADE E VIVIDO COM FÉ, É UM GRANDE MEIO PARA NOS ENCONTRARMOS COM DEUS»

2019-02-10       Actualidade       Igreja  

  

Dom Ildo Fortes envia mensagem de “melhores” a todos os doentes, hoje, 11 de Fevereiro, Dia Mundial do Doente, e entende o Bispo da Diocese de Mindelo que «o sofrimento, quando aceite com humildade e vivido com fé, é um grande meio para nos encontrarmos com Deus».

Celebra-se hoje, 11 de Fevereiro, o Dia Mundial do Doente, e Dom Ildo Fortes envia mensagem de “melhores” a todos os doentes, onde diz que «nós não devemos nunca procurar o sofrimento. Nosso Senhor não procurou o sofrimento por procurar. Oxalá que não se sofresse. O sofrimento, quando aceite com humildade e vivido com fé, é um grande meio para nos encontrarmos com Deus. Deus se faz próximo daquele que muito precisa». 
O Bispo da Diocese de Mindelo reconhece que «temos pessoas que nos dão testemunhos belíssimos de como na doença são capazes de viver a paciência e viver até uma paz que parece uma coisa impossível. Como é que se pode, no sofrimento, viver a paz? Porque Deus é esta paz». Por isso, entende Dom Ildo Fortes que «os que estão doentes têm uma grande oportunidade de se associarem a Cristo Jesus no seu mistério pascal. Cristo sofreu por nós e Ele nos ensina que o sofrimento humano ganha sentido quando vivido à luz do sofrimento redentor de Nosso Senhor Jesus Cristo».
O Dia Mundial do Doente é celebrado anualmente a 11 de Fevereiro. A data foi instituída a 11 de Fevereiro de 1992, pelo Papa João Paulo II. Na carta de instituição do Dia Mundial do Doente, o Papa João Paulo II lembrou que a data representa «um momento forte de oração, de partilha, de oferta do sofrimento pelo bem da Igreja e de apelo dirigido a todos para reconhecerem na face do irmão enfermo a Santa Face de Cristo que, sofrendo, morrendo e ressuscitando, operou a salvação da humanidade».



Notícias relacionadas